Você está aqui: Capa » Artigos » Mercado de trabalho para o engenheiro civil

Mercado de trabalho para o engenheiro civil

O aquecimento do mercado imobiliário nos últimos anos exige também que os profissionais contratados sejam especializados em construções urbanas.

engenharia-civil-2

Com o crescente aumento nos últimos anos das edificações, em especial, residenciais que são construídas pelas grandes empreendedoras que se espalham principalmente pelas capitais brasileiras, o campo de atuação do engenheiro civil está garantido nos próximos anos. O aquecimento do mercado imobiliário nos últimos anos exige também que a profissão de engenheiro civil  sejam especializados em construções urbanas.

A Copa do Mundo de 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016 fazem do Brasil um país ainda mais propício para os formados em Engenharia Civil. Além de prédios comerciais, residências e demais edificações, eles podem se responsabilizar pelos estádios, aeroportos e linhas de metrô que também estão sendo levantados em escala nas principais cidades do país.

Além disso, programas do governo federal, como o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e o “Minha Casa, Minha Vida” também são outros incentivadores da profissão, pois aumentam a demanda e, por consequência, a necessidade de mais engenheiros civis. Como a Engenharia Civil tem relação com outras áreas, entre elas a Arquitetura, aliar esses dois conhecimentos é uma forma de ter um diferencial no mercado de trabalho e se destacar.

Salário do Engenheiro Civil

Ganho inicial (média mensal) = R$ 4 mil

Ganho escalão intermediário (média mensal) = R$ 5,3 mil

Ganho no auge (média mensal) = De R$ 10 mil a R$ 20 mil

Atividades do Engenheiro Civil no início de carreira

- Em obras, realiza o planejamento dos serviços, orçamentos, cronogramas, acompanhamento da execução.
- Em escritórios, realiza detalhamentos de projetos e dimensiona elementos secundários.
Evolução da profissão Com a experiência, o profissional passa a liderar equipes na execução de projetos e obras, podendo ocupar cargos de gerência e direção.

Auge da carreira

Entre 15 e 20 anos de profissão.

Sobre Indústria Hoje

Indústria Hoje


+ Artigos de »

  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

    *

    Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>